January 01

O Que Temem Os Nossos Líderes?

EDIÇÃO Nº44 | JANEIRO - FEVEREIRO - MARÇO | 2019

BREVE EXCERTO

”Temos uma distância hierárquica que é das maiores da Europa onde nos integramos. 

Temos dos salários mais baixos. 

Temos, provavelmente, o maior leque salarial do mundo....Administradores/ Gestores de Topo que ganham mais de 200.000 euros mensais em organizações onde o salário mais baixo pode ”atingir” os 600 euros brutos ..... 

Temos uma das produtividades de trabalho mais reduzida. 

Estudos vários revelam que principal fonte de desmotivação e mudança de emprego é a má relação hierárquica. 

Os trabalhadores portugueses não admiram o ”sucesso” dos seus superiores hierárquicos. 

As chefias, aos mais diferentes níveis, não reconhecem, na maioria das vezes, devidamente, o contributo dos subordinados. 

O Que Temem Os Nossos Líderes?

De José Coelho Martins

January 01

Deixem-me Em Paz

EDIÇÃO Nº44 | JANEIRO - FEVEREIRO - MARÇO | 2019

BREVE EXCERTO

”Existem muitas coisas sobre as quais nós não temos absolutamente nenhum controlo e que seguramente têm o potencial de influenciar significativamente as nossas vidas. Já que assim é, em relação às coisas sobre as quais ninguém tem controlo, impõe-se a pergunta: devemos simplesmente sentar e deixar acontecer? 

Sim e não. Deixar acontecer, sim. Sentar, não. 

Ainda há dias ouvi da boca de uma pessoa, por sinal minha Cliente, a seguinte afirmação: “Estou a conquistar mais paz e tranquilidade na minha vida. Descubro a força que existe nas minhas expressões verbais e posso ser mais honesto comigo mesmo e com os outros”. 

Maravilha, não é?! 

Será que com isto esta pessoa se sente agora mais reconfortada? Mais flexível? 

Confiante na vida? Se assim é, excelente! Pois para outra coisa não existo ou estou aqui. 

Deixem-me Em Paz

De Dra. Sara Ferreira

January 01

Quando Queremos Dar Resposta A Tudo... E O Que Fica Para Trás É A Nossa Saúde

EDIÇÃO Nº44 | JANEIRO - FEVEREIRO - MARÇO | 2019

BREVE EXCERTO

”Quando a nossa responsabilidade profissional nos exige as horas de trabalho e as extra para conseguirmos dar resposta a tudo, quando a nossa responsabilidade familiar nos exige cuidar dos filhos, dos pais e da casa... quando sentimos que tentamos dar resposta, mas que constantemente nos apercebemos que não estamos a ser suficientemente bons em nenhuma das partes, quando ouvimos queixas no trabalho que temos prazos e que nos estamos a atrasar, quando ouvimos queixumes do companheiro/companheira, ou dos filhos que não passamos tempo de qualidade, ou que já não brincamos com eles... quando temos algum tempo e não nos apetece fazer absolutamente nada! 

--- pausa—urgente! 

Esta situação poderia ser a de muitas pessoas, e infelizmente são estas situações que também vão convergir em perturbações de ansiedade ou perturbações de humor. A super-mulher ou o super-homem é algo inatingível.”

Quando Queremos Dar Resposta A Tudo... E O Que Fica Para Trás É A Nossa Saúde

de Joana De São João Rodrigues

January 01

A Compreensão da História da Pessoa

EDIÇÃO Nº44 | JANEIRO - FEVEREIRO - MARÇO | 2019

BREVE EXCERTO

”A compreensão do sofrimento do outro deve ser o ponto fulcral de qualquer processo terapêutico. Arriscaria a dizer que deve ser o ponto central de qualquer relação, seja ela terapêutica ou não. 

Compreender, perceber, escutar, validar, aceitar, acompanhar, apoiar. 

Tive a oportunidade de há pouco tempo escrever um texto, num outro fórum, sobre a importância da história na história de cada pessoa. A evolução histórica do mundo e das suas populações, o fado e a cultura de cada povo, são mostra de como cada civilização chegou ao presente. Da mesma forma, a história de cada pessoa é a prova do conjunto de pensamentos, emoções e comportamentos do seu hoje que justificam a transformação e estruturação da sua idiossincrasia. É normal que alguém fique triste no decorrer de uma situação de luto. É normal que alguém fique alegre no decorrer de um sucesso. Estranho seria se acontecesse o contrário ou outra qualquer emoção desadequada à vivência da situação em causa. 

A Compreensão da História da Pessoa

de Tiago G. Fonseca

Este site usa cookies, para guardar informação de forma segura no seu computador.

Estes cookies destinam-se a optimizar a sua experiência de navegação neste site.

aceito cookies

Saiba mais acerca dos cookies